Como funciona a tela sensível ao toque – touch screen

Os celulares que funcionam por touch screen – ou por toque na tela, têm chamado muito a atenção de todas as pessoas que são ligadas em tecnologia e modernidade. Parece algo mágico, nada de teclado físico, simplesmente, na tela do aparelho, os botões virtuais são recriados em todos os momentos e, novas funções são carregadas automaticamente. Não há dúvidas que esse mecanismo de funcionamento deixa o celular esteticamente bonito, mas, acima de tudo, traz um visível efeito de alta tecnologia impregnada em cada aparelho.

A grande aceitação por este tipo de tecnologia por parte da população, também força as indústrias a melhorarem a tecnologia empregada no mecanismo de funcionamento das telas de touch screen. A tecnologia utiliza desde reconhecimento de pressão sobre a tela, até o uso de microcameras, para capturar o movimento sobre a tela e acionar comandos.

Telas touch screen da tecnologia Telas Resistivas: é uma tecnologia empregada nas telas de touch screen que reconhece pressão (do dedo, de uma caneta apontadora) sobre a tela. A pressão é identificada porque a tela é formada por duas camadas extra finas, uma de vidro, outra de metal e, entre essas duas camadas, há um espaço minúsculo por onde passa uma correte elétrica bem pequena. Então, quando alguém faz pressão sobre a tela, essas duas placas se encostam, e a corrente elétric,a que passa no meio, sofre alterações. Essa alteração é capturada por sensores e enviada ao processador, que converte no comando válido e real.

Telas touch screen da tecnologia Telas Capacitativas: esse tipo de tela, que é utilizada em iPhones, mantém uma camada de eletricidade sobre o painel do monitor. Ao tocar na tela, uma parte desta eletricidade se transfere para o dedo. O sistema de gerenciamento do equipamento calcula as coordenadas e transforma em comando válido. Este tipo de tela somente funciona com uso dos dedos.

Telas touch screen da Tecnologia Ondas Acústicas: utiliza dois transdutores em cada lado da tela, lado esquerdo, direito, parte de cima, parte de baixo, sendo metade emissores e metade receptores, totalizando 8 ao todo. Os trasdutores que atuam como emissores enviam ondas que são captadas pelos trasdutores receptores. Quando um toque for efetuado sobre a tela, os receptores reconhecem o bloqueio das ondas, então, a coordenada do toque é enviada ao processador que transforma em comando válido.

Telas touch screen da Tecnologia Microcâmeras: um sistema criado pela Microsoft e registrado com o nome de Surface, possui algumas câmeras nas bordas da tela que capturam o toque no momento que ele ocorre na tela. As coordenadas são enviadas ao processador que converte em comando válido.

Mas por que usar um celular, ou outro equipamento com tela sensível ao toque ao invés do teclado convencional? Por uma questão de tendência, de modernidade, de praticidade, de estilo…

As touch screen eliminam espaço do teclado, que pode ser aproveitado para ampliar o espaço da tela, muito útil para celulares, principalmente para ver vídeos e fotos. Com a chegada da tecnologia Surface, da Microsoft, o uso da touch screen, diretamente na tela do computador, tende a ser uma funcionalidade bastante difundida, que aprimorará ainda outros recursos, como comandos por apontamento do dedo, reconhecimento de expressões faciais e outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*